CAPITÃO GILGAMÉS

abril 8, 2013 at 4:29 am 5 comentários

CAPITÃO GILGAMÉS
Por Rita Maria Felix da Silva

Das memórias de Valentina Rossi Marino, revolucionária:

Por volta da metade do assim chamado Século XXII, o Império Malkin avançou para este lado da Via Láctea e incorporou a Terra. Não mais que um milhão de humanos pôde sobreviver à invasão e escapar para o espaço sideral.

Porém, os Malkins, uma violenta teocracia genocida, perseguiram a humanidade por todos os cantos da galáxia sonhando extinguir nossa espécie.

Em tempos sombrios, é necessário que se ergam heróis. E heróis vieram. Grandes líderes da resistência que organizaram nosso povo contra o invasor assassino. Mas havia guerreiros solitários também, que singravam o universo em suas naves e atacavam os Malkins em todas as ocasiões possíveis. O Império os chamava de terroristas, mas nosso povo os saudava.

O maior de todos eles era o Capitão Gilgamés, que pilotava a nave Astrolábio. Infelizmente muito da cultura da Terra se perdeu na Grande Fuga, por isso esse nome dele e o de sua astronave permaneciam incompreensíveis para nós.

Em coragem, inteligência, idealismo e ousadia ninguém jamais o superou e foi assim por dez anos, naquela guerra particular, de um homem por uma espécie e contra um império.
Olhávamos para ele e sua imagem nos devolvia algo que julgávamos ter se perdido em nossas almas… Esperança.

Dizem que ele matou mais invasores do que se pode contar. Eu realmente não duvido disso.

Os Malkins o odiavam. Um dia eles o capturaram e torturam-no até o limite do possível. Transmitiram as imagens para todos os mundos colonizados. Foi horrível. Ele, todavia, jamais se rendeu. Gilgamés morreu sob a lâmina e chicote do torturador sem suplicar por piedade sequer uma única fez.

Então, dividiram o corpo dele em tantos pedaços e enviaram para serem exibidos nos planetas mais importantes da Via Láctea. A idéia era nos amedrontar, inibir a resistência. Os Malkins realmente não sabiam nada sobre a espécie humana.

O Capitão Gilgamés se tornou um mártir para todos nós e, logo, nós o idolatrávamos como a um deus. Seu nome e sua lembrança impulsionaram a resistência em todos os cantos desta galáxia, a qual cobrimos de guerra e fogo e trouxemos o Inferno para os Malkins.

Então veio um dia, cinco anos atrás, em que os Malkins foram derrotados. Seu império consumido pelas chamas. Nós matamos tantos deles quando pudemos encontrar. No fim, apenas o lamento dos seres humanos mais moderados impe-diu que extinguíssemos a espécie malkiniana. Assim, permitirmos que uns poucos sobreviventes fossem banidos desta galáxia.

E, em honra ao nosso maior herói, ao maior homem que já viveu, nossa nova divindade e maior orgulho de nossa espécie, erguemos templos e monumen-tos por todos os mundos habitados na Via Láctea.

Em memória ao Capitão Gilgamés, que um dia se chamou Giuseppe Marino. Meu pai.

Fim
Dedicado a Thina Curtis

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized.

PRESENTE DE MAGO GRIGORI

5 Comentários Add your own

  • 1. Regina Castro  |  abril 8, 2013 às 12:08 pm

    Uia, q homenagem!!
    Lindo.. To gostando dessa aventura, terao mais?
    Fico no aguardo…
    Beijos

    Responder
  • 2. carlosdonizetti  |  abril 8, 2013 às 9:16 pm

    BOnito texto,mas fiquei na dúvida…Quem são exatamente os Malkins?

    Responder
  • 3. João Victor  |  abril 9, 2013 às 2:26 am

    Muito bom. Lembrou o William Walllace espacial.

    Responder
  • 4. carlosrelva  |  abril 16, 2013 às 2:29 am

    Gostei muito! Épico! E uma guerra tão terrível que a história do primeiro Gilgamés se perdeu… Malditos Malkins!!!

    Responder
  • 5. Luiz H.  |  abril 16, 2013 às 10:59 pm

    Um paralelo com o cristianismo e outras doutrinas é inevitável. De perseguida, a humanidade passa a perseguidora. Gostei da reflexão.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Agenda

abril 2013
S T Q Q S S D
« mar   maio »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Most Recent Posts


%d blogueiros gostam disto: